Maestro Leandro Carvalho

Leandro Carvalho, regente titular e diretor artístico

Leandro Carvalho é reconhecido pelo público e pela crítica especializada como um dos músicos mais expressivos da nova geração de artistas brasileiros. De sólida formação musical e humanista, Leandro tem revelado sua criatividade em concertos e gravações: nove CDs gravados, com destaque ao resgate e à recriação da obra de João Pernambuco, Levino Conceição, João Pacifico e Tom Jobim, aos trabalhos em duo com os mestres Turíbio Santos e Baden Powell, e aos concertos no Brasil e exterior, como o concerto de estréia na Europa em julho de 2002, no Royal Festival Hall, Londres, uma das salas de maior prestígio da Europa, apresentando grandes compositores brasileiros.

Graduou-se em Música Erudita pela Faculdade Santa Marcelina, em São Paulo, sob orientação do violonista Turíbio Santos, fez pós-graduação em Regência Orquestral no Conservatório de Utrecht, Holanda, sob orientação do maestro holandês Jurgen Hempel, e, na Inglaterra, estudou com os maestros George Hurst, Denise Ham e Rodolfo Saglimbeni.

Participou ainda dos 37º e 38º Festivais de Inverno de Campos do Jordão, na classe do maestro Roberto Minczuk, e de master classes com os maestros Valery Gergiev e Kurt Masur. Seu trabalho como pesquisador apresenta uma visão singular da cultura brasileira, sintetizada na dissertação de mestrado “… e o estrepitoso zabumba põe tudo em alvoroço”, elaborada sob orientação do escritor Ariano Suassuna e apresentada do departamento de pós-graduação em História Social da Universidade Federal de Pernambuco.

Leandro Carvalho é um dos fundadores da Orquestra do Estado de Mato Grosso e seu atual diretor artístico e regente principal. Nas Temporadas 2006 e 2007, a Orquestra apresentou, sob sua direção, mais de 100 concertos anuais voltados para diferentes segmentos da sociedade, com destaque para a participação no “VI Festival Internacional de Música Renacentista y Barroca Americana ‘Misiones de Chiquitos’”, Bolívia, considerado o maior festival de música barroca do mundo, e a gravação do segundo DVD da Orquestra no Instituto Itaú Cultural, em São Paulo.

Em 2008 foi apontado como um dos dez artistas de maior importância da música clássica da década no Brasil. A indicação foi feita pelo ‘Anuário Viva Música 2008’, publicação especializada em música clássica e considerada a mais importante do setor. Aos 33 anos, Leandro é o mais jovem músico na lista que conta com artistas de carreira já consolidadas e bem conhecidas do público e da mídia.

Em 2009 foi o único brasileiro selecionado para o IV Prêmio Eduardo Mata de Direccion de Orquesta, que ocorreu na Cidade do México. Considerada uma das mais importantes competições do mundo da música orquestral, o Prêmio Eduardo Mata ficou conhecido por revelar novos talentos da batuta.


Entrevista em 2009 para o Programa Pé na Estrada

Em 2010, o Blog Carpatia, especializado em pesquisa musical, disponibilizou toda sua discografia como violonista para download gratuito.

Neste ano, além da direção artística e regência principal da Orquestra do Estado de Mato Grosso, o maestro Leandro Carvalho assumiu a regência artística da Orquestra Sinfônica Brasileira [OSB], no Rio de Janeiro, e a regencia principal da Orquestra Sinfônica Brasileira Jovem [OSB Jovem].

Leandro Carvalho entre os dez artistas que marcaram a década

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: